É comum muitas noivas ficarem na dúvida de quanto cobrar na revenda do seu vestido.  Infelizmente (ou felizmente para as compradoras), a depreciação do vestido de noiva é pior do que a de um carro novo… Em geral, os vestidos depreciam entre 35 e 50% para a venda após o primeiro uso. Mas outros fatores também devem ser considerados na hora de definir o preço, tais como:

1. Ano da coleção (ou ano de compra): Tenha em mente que estilos e tendências mudam com as coleções. Logo, vestidos de coleções passadas devem ser desvalorizados de acordo com seu tempo. Por isso, se vc já decidiu que vai vender, anuncie seu vestido o mais rápido possível. Se o seu vestido é de algum estilista famoso, ele também pode ficar mais, ou menos, desejado daqui um tempo e isso também afeta o preço.

2. Tamanho: No Brasil, a grande maioria das noivas possui tamanhos 38, 40 e 42, logo são mais vendáveis. Portanto, um vestido de tamanho mais peculiar, como os “petit” e os “plus size” devem ter um preço mais atrativo, dado que serão direcionados a um público menor.

3. Estado de conservação: Um vestido usado apenas uma vez vale mais do que um que já foi usado por duas noivas. Vestidos novos (tipo exemplares) também depreciam um pouco do valor de loja. E vestidos com defeitos (ou muito usados) possuem pouca saída, logo o preço deve ser uma pechincha! Lembrando que para anunciar no site Emporio Lulu, a vendedora se compromete que seu vestido esteja em ótimo estado e limpo, ok?

4. Sua urgência na venda: Tem muita pressa para vender? Então, reduz o preço, facilite o pagamento ou faça um desconto à vista.

Montamos no site Emporio Lulu, uma calculadora de vestidos, que leva esse fatores em consideração e calcula um preço de venda, baseando-se nas informações coletadas sobre o vestido.  Mas lembrando, que é apenas um preço sugerido, pois quem define o preço final de venda é a vendedora! Experimente aqui nossa calculadora!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *